Quando a Erva Crescer

Print Friendly, PDF & Email

Quando a Erva Crescer (Alberto Caeiro)

Quando a erva crescer em cima da minha sepultura,
Seja este o sinal para me esquecerem de todo.
A Natureza nunca se recorda, e por isso é bela.
E se tiverem a necessidade doentia de “interpretar” a erva verde
sobre a minha sepultura,
Digam que eu continuo a verdecer e a ser natural.

Publicações relacionadas

Na rua em funeral ei-la que pa... Na rua em funeral ei-la que passa (Augusto dos Anjos) Soneto (Le...
Momentos ao natural Momentos ao natural (Walt Whitman) Momentos ao natural, quando vocês vêm a m...
Sobre a violência Sobre a violência (Bertold Brecht) A corrente impetuosa é chamada de violenta...
Canción del jinete Canción del jinete (Federico Garcia Lorca) Córdoba. Lejana y sola. Jaca...

Deixe uma resposta