Antero de Quental

Print Friendly, PDF & Email
Antero Tarqüínio de Quental (1842 – 1891)


POEMAS PUBLICADOS

BIOGRAFIA:

Ponta Delgada (Açores)
Frequentou a Universidade de Coimbra, tendo passado depois algum tempo em Paris. Viajou pelos Estados Unidos e Canadá, fixando-se em Lisboa. Pertenceu à à chamada Geração de Setenta, grupo que pretendia renovar a mentalidade portuguesa, e participou nas Conferências do Casino. Foi amigo, entre outros, de Eça de Queirós e Oliveira Martins. Atacada por uma doença do foro psiquiátrico, regressa aos Açores onde se suicida. As suas obras vão da poesia à reflexão filosófica: Raios de Extinta Luz, Odes Modernas, Primaveras Românticas, Sonetos, Prosas e Cartas.

Obras Principais :
Poesia: Sonetos, 1861
Beatrice, 1863
Odes Modernas, 1865
Primaveras Românticas – Versos dos Vinte Anos, 1872;
Sonetos, 1881
Sonetos Completos, 1886
Raios de Extinta Luz, 1892
Prosa Polêmica e Folclórica: Cartas de Antero de Quental, 1915
Cartas Inéditas de Antero de Quental a Oliveira Martins, 1931
Cartas Inéditas de Antero de Quental a Wilhelm Storck, 1931
Cartas de Antero de Quental a Antônio Azevedo Castelo Branco, 1942

Publicações relacionadas

George Gordon Byron George Gordon Byron (1788-1824) POEMAS PUBLICADOS BIOGRAFIA:...
Nicolás Guillén Nicolás Guillén (1902-1989) POEMAS PUBLICADOS Nicolás Guillé...
Manuel Bandeira Manuel Bandeira (1886-1968) POEMAS PUBLICADOS BIOGRAFIA: ...
Noam Chomsky Avram Noam Chomsky (1943-2012) PUBLICAÇÕES Avram Noam Choms...

Deixe uma resposta