Abat-Jour

Print Friendly, PDF & Email

Abat-Jour (Fernando Pessoa)

A lâmpada acesa
(Outrem a acendeu)
Baixa uma beleza

Sobre o chão que é meu.
No quarto deserto
Salvo o meu sonhar,
Faz no chão incerto
Um círculo a ondear.

E entre a sombra e a luz
Que oscila no chão
Meu sonho conduz
Minha inatenção.

Bem sei … Era dia
E longe de aqui…
Quanto me sorria
O que nunca vi!

E no quarto silente
Com a luz a ondear
Deixei vagamente
Até de sonhar…

Publicações relacionadas

Saudade Saudade (Augusto dos Anjos) Hoje que a mágoa me apunhala o seio, E o coração...
Como Bem Sei Como Bem Sei (Bertold Brecht) Como bem sei Os impuros viajam para o inferno ...
Estas Verdades Estas Verdades (Alberto Caeiro) Estas verdades não são perfeitas porque são...
A gleba me transfigura A gleba me transfigura (Cora Coralina) Sinto que sou abelha no seu artesanato...

Deixe uma resposta