Distâncias mínimas

Print Friendly, PDF & Email

Distâncias mínimas (Paulo Leminski)

um texto morcego
se guia por ecos
um texto texto cego
um eco anti anti anti antigo
um grito na parede rede rede
volta verde verde verde
com mim com com consigo
ouvir é ver se se se se se
ou se se me lhe te sigo?

Publicações relacionadas

2º Soneto à morte de Afonsos B... 2º Soneto à morte de Afonsos Barbosa da Franca (Gregório de Matos) Alma genti...
Amor Amor (Álvares de Azevedo) Quand la mort est si belle, Il est doux de mourir....
Paisagem N.º 1 Paisagem N.º 1 (Mário de Andrade) Minha Londres das neblinas finas! Pleno ve...
O Cúmplice O Cúmplice (Jorge Luis Borges) Tradução Me crucificaram e eu devo ser a cr...

Deixe uma resposta