Um beijo que tivesse um blue

Print Friendly, PDF & Email

Um beijo que tivesse um blue (Ana Cristina Cesar)

Um Beijo
que tivesse um blue.
Isto é
imitasse feliz a delicadeza, a sua,
assim como um tropeço
que mergulha surdamente
no reino expresso
do prazer.
Espio sem um ai
as evoluções do teu confronto
à minha sombra
desde a escolha
debruçada no menu;
um peixe grelhado
um namorado
uma água
sem gás
de decolagem:
leitor embevecido
talvez ensurdecido
“ao sucesso”
diria meu censor
“à escuta”
diria meu amor

Publicações relacionadas

Trindade Trindade (Álvares de Azevedo) A vida é uma planta misteriosa Cheia d’espinho...
Versos a um Cão Versos a um Cão (Augusto dos Anjos) Que força pode, adstricta a ambriões info...
Pensão familiar Pensão familiar (Manuel Bandeira) Jardim da pensãozinha burguesa. Gatos espa...
Noite morta Noite morta (Manuel Bandeira) Noite morta. Junto ao poste de iluminação Os ...

Deixe uma resposta