Dos milagres

Print Friendly, PDF & Email

Dos milagres (Mário Quintana)

O milagre não é dar vida ao corpo extinto,
Ou luz ao cego, ou eloquência ao mudo…
Nem mudar água pura em vinho tinto…
Milagre é acreditarem nisso tudo!

Publicações relacionadas

Erro de português Erro de português (Oswald de Andrade) Quando o português chegou Debaixo de u...
Como árvores Como árvores (Mario Benedetti) Do livro "Inve...
Se Eu Pudesse Se Eu Pudesse (Alberto Caeiro) De O...
Último Soneto Último Soneto (Álvares de Azevedo) Já da noite o palor me cobre o rosto,...

Deixe uma resposta