A educação pela pedra

Print Friendly, PDF & Email

A educação pela pedra (João Cabral de Melo Neto)

Uma educação pela pedra: por lições;
para aprender da pedra, freqüentá-la;
captar sua voz inefática, impessoal
(pela de dicção ela começa a aula).
A lição de moral, sua resistência fria
ao que flui e a fluir, a ser maleada;
a de poética, sua carnadura concreta;
a de economia, seu adensar-se compacta:
lições de pedra (de fora para dentro,
cartilha muda), para quem soletrá-la.

Outra educação pela pedra: no Sertão
(de dentro para fora, é pré-didática).
No Sertão a pedra não sabe lecionar,
e se lecionasse, não ensinaria nada;
lá não se aprende a pedra: lá a pedra,
uma pedra de nascença, entranha a alma.

Publicações relacionadas

Tentanda via Tentanda via (Antero de Quental) d...
Soneto de intimidade Soneto de intimidade (Vinicius de Moraes Nas tardes da fazenda há muito azul ...
Contrastes Contrastes (Augusto dos Anjos) A antítese do novo e do obsoleto, O Amor e a ...
Ontem à Tarde Ontem à Tarde (Alberto Caeiro) De O...

Deixe uma resposta