Expectativas

Print Friendly, PDF & Email

Expectativas (Mario Benedetti)

Do livro “Perguntas ao acaso”
Tradução de Julio Luís Gehlen

Agora tenho data
as perguntas e dúvidas convocadas
são formas de nascer no nascido

tenho ficado em suspense
espero tudo e já não espero nada

sei que não sou o mesmo
e quando enfim se abra a muralha
a primeira lembrança antrará lentamente
com cuidado infinito e com uma bengala branca

Publicações relacionadas

História de vampiros História de vampiros (Mario Benedetti) Do li...
Idéias íntimas Idéias íntimas (Álvares de Azevedo) Fragmento La chaise ou je m'assieds, l...
Tecendo a Manhã Tecendo a Manhã (João Cabral de Melo Neto) A ...
Llanto y coplas Llanto y coplas (Antonio Machado) Al fin, una pulmonía mató a Don Guido, y e...

Deixe uma resposta