O Capoeira

Print Friendly, PDF & Email

O Capoeira (Oswald de Andrade)

Qué apanhá sordado?
O quê?
Qué apanhá?
Pernas e cabeças na calçada.

Publicações relacionadas

Rosto de vós Rosto de vós (Mario Benedetti) Tradução Tenho uma solidão tão concorrida ...
Madrigal à cibdá de Santiago Madrigal à cibdá de Santiago (Federico Garcia Lorca) Seis Poemas Galegos (193...
Tengo Tengo (Nicolás Guillén) De Tengo Cuando me veo y t...
Este é o prólogo Este é o prólogo (Federico Garcia Lorca) (7 de a...

Deixe uma resposta