Outros

Print Friendly, PDF & Email

Outros (Oscar Wilde)

“uma coisa não se torna necessariamente verdadeira por alguém morrer por ela”

“Quando nos censuramos a nós próprios, achamos que mais ninguém tem o direito de nos censurar”

Publicações relacionadas

Poema Sujo – um fragment... Poema Sujo - um fragmento: "Velocidades" (Ferreira Gullar) Mas na cidade havi...
Há Poetas que são Artistas Há Poetas que são Artistas (Alberto Caeiro) ...
Cantiga do Neno da Tenda Cantiga do Neno da Tenda (Federico Garcia Lorca) Seis Poemas Galegos (1935) ...
Do inquieto oceano da multidão... Do inquieto oceano da multidão (Walt Whitman) Do inquieto oceano da multidão ...

Deixe uma resposta