Outros

Print Friendly, PDF & Email

Outros (Oscar Wilde)

“uma coisa não se torna necessariamente verdadeira por alguém morrer por ela”

“Quando nos censuramos a nós próprios, achamos que mais ninguém tem o direito de nos censurar”

Publicações relacionadas

Sofredora Sofredora (Augusto dos Anjos) Cobre-lhe a fria palidez do rosto O sendal da ...
With the man With the man (Paulo Leminski) aqui no oeste todo homem tem um preço u...
Os poemas Os poemas (Mário Quintana) Os poemas são pássaros que chegam não se sabe de ...
Bacanal Bacanal (Manuel Bandeira) Quero beber! cantar asneiras No esto brutal das be...

Deixe uma resposta