Para a liberdade e luta

Print Friendly, PDF & Email

Para a liberdade e luta (Paulo Leminski)

me enterrem com os trotskistas
na cova comum dos idealistas
onde jazem aqueles
que o poder não corrompeu

me enterrem com meu coração
na beira do rio
onde o joelho ferido
tocou a pedra da paixão.

Publicações relacionadas

Revelação Revelação (Augusto dos Anjos) I Escafandrista de insondado oceano Sou eu ...
Romance del emplazado Romance del emplazado (Federico Garcia Lorca) Para E...
Presa do ódio Presa do ódio (Cruz e Souza) Da tu'alma na funda galeria Descendo às vezes, ...
No meu Prato No meu Prato (Alberto Caeiro) De O ...

Deixe uma resposta