Das utopias

Print Friendly, PDF & Email

Das utopias (Mário Quintana)

Se as coisas são inatingíveis… ora!
não é motivo para não quere-las…
Que tristes os caminhos, se não fora
a magica presença das estrelas!

Publicações relacionadas

Mas eu, em cuja alma se reflet... Mas eu, em cuja alma se refletem (Álvaro de Campos) Mas eu, em cuja alma se r...
Sem terra e sem céu Sem terra e sem céu (Mario Benedetti) Do liv...
Retrato do artista quando cois... Retrato do artista quando coisa (Manoel de Barros) A maior riqueza do homem ...
Que falta nesta cidade? Verdad... Que falta nesta cidade? Verdade (Gregório de Matos) Que falta nesta cidade?....

Deixe uma resposta