Das utopias

Print Friendly, PDF & Email

Das utopias (Mário Quintana)

Se as coisas são inatingíveis… ora!
não é motivo para não quere-las…
Que tristes os caminhos, se não fora
a magica presença das estrelas!

Publicações relacionadas

Olá, Guardador de Rebanhos Olá, Guardador de Rebanhos (Alberto Caeiro) ...
O Próprio Ser eu Canto O Próprio Ser eu Canto (Walt Whitman) O próprio se eu canto: canto a pessoa...
Todas as vidas Todas as vidas (Cora Coralina) Vive dentro de mim uma cabocla velha de mau-...
Lubricidade Lubricidade (Cruz e Souza) Quisera ser a serpe venenosa Que dá-te...

Deixe uma resposta