A estrela chorou rosa…

Print Friendly, PDF & Email

A estrela chorou rosa…(Arthur Rimbaud)

Tradução de Daniel Fresnot

A estrela chorou rosa no coração de teus ouvidos
O infinito rolou branco de tua nuca a teus rins
O mar orvalhou ruivo em teus seios tingidos
E o homem sangrou negro nos teus flancos paladins

Publicações relacionadas

Um pai-nosso latino-americano Um pai-nosso latino-americano (Mario Benedetti) ...
Homem que olha o céu Homem que olha o céu (Mario Benedetti) Do liv...
Noiva da agonia Noiva da agonia (Cruz e Souza) Trêmula e só, de um túmulo surgindo, ...
Ignoto Deo Ignoto Deo (Antero de Quental) Que belleza mortal se te assemelha, Ó sonhad...

Deixe uma resposta