Máquina alguma de poupar trabalho

Print Friendly, PDF & Email

Máquina alguma de poupar trabalho (Walt Whitman)

Máquina alguma de poupar trabalho
eu fiz, nada inventei,
nem sou capaz de deixar para trás
nenhum rico donativo
para fundar hospital ou biblioteca,
reminiscência alguma
de um ato de bravura pela América,
nenhum sucesso literário ou intelectual,
nem mesmo um livro bom para as estantes
– apenas uns poucos cantos
vibrando no ar eu deixo
aos camaradas e amantes.

Publicações relacionadas

Sabe-te aqui Sabe-te aqui (Mario Benedetti) Tradução Podes querer o alvorecer quando q...
Ausência Ausência (Vinicius de Moraes Eu deixarei que morra em mim o desejo de amar os...
Mãos Mãos (Augusto dos Anjos) Há mãos que fazem medo Feias agregações pentagonai...
Samba – canção Samba-canção (Ana Cristina Cesar) Tantos poemas que perdi. Tantos que ouvi, ...

Deixe uma resposta