Brilha uma voz na noite …

Print Friendly, PDF & Email

Brilha uma voz na noite … (Fernando Pessoa)

Brilha uma voz na noite
De dentro de Fora ouvi-a…
Ó Universo, eu sou-te…
Oh, o horror da alegria
Deste pavor, do archote
Se apagar, que me guia!
Cinzas de idéia e de nome
Em mim, e a voz:Ó mundo,
Sermente em ti eu sou-me…
Mero eco demim, me inundo
De ondas de negro lume
Em que pra Deus me afundo.

Publicações relacionadas

Revista Verde REVISTA VERDE Uma publicação modernista nascida no interior de Minas. A...
Soneto da Fidelidade Soneto da Fidelidade (Vinicius de Moraes De tudo, ao meu amor serei atento ...
O que aconteceu comigo O que aconteceu comigo (Vladmir Maiakowski) Tradu...
Ao sol do meio-dia eu vi dormi... Ao sol do meio-dia eu vi dormindo - Soneto (Álvares de Azevedo) Ao sol do mei...

Deixe uma resposta