Intimidade

Print Friendly, PDF & Email

Intimidade (Mario Benedetti)

Tradução

Sonhamos juntos
juntos despertamos
o tempo faz e desfaz
enquanto isso

não lhe importam teus sonhos
nem meus sonhos
somos rudes
ou demasiado cuidadosos

pensamos que não cai
essa gaivota
cremos que é eterno
este exorcismo
que a batalha é nossa
ou de ninguém

juntos vivemos
sucumbimos juntos
mas essa destruição
é uma piada
um detalhe uma brisa
um vestígio
um abrir-se e fechar-se
o paraíso

já nossa intimidade
é tão grande
que a morte a esconde
em seu vazio
quero que me conte
o luto que te calas
de minha parte te ofereço
minha última confiança

estas só
estou só
mas às vezes
pode a solidão
ser
uma chama.

Publicações relacionadas

Disaires da formosura Disaires da formosura (Gregório de Matos) Rubi, concha de perlas peregrina, ...
Livros e flores Livros e flores/strong>(Machado de Assis) Teus olhos são meus livros. Que ...
Arte de amar Arte de amar (Manuel Bandeira) Se queres sentir a felicidade de amar, esquece...
A Espantosa Realidade das Cous... A Espantosa Realidade das Cousas (Alberto Caeiro) A espantosa realidade...

Deixe uma resposta