Lembrem de mim

Print Friendly, PDF & Email

Lembrem de mim (Paulo Leminski)

lembrem de mim
como de um
que ouvia a chuva
como quem assiste missa
como quem hesita, mestiça,
entre a pressa e a preguiça

Publicações relacionadas

A Noite A Noite (Augusto dos Anjos) A nebulosidade ameaçadora Tolda o éter, mancha a...
Pé Dentro, Pé Fora Pé Dentro, Pé Fora (Mário de Andrade) ...
Sinfonias do ocaso Sinfonias do ocaso (Augusto dos Anjos) Musselinosas como brumas diurnas ...
Carta de José de Alencar Carta de José de Alencar(Machado de Assis) ...

Deixe uma resposta