O Luar (2)

Print Friendly, PDF & Email

O Luar 2 (Alberto Caeiro)

De O Guardador de Rebanhos

O luar através dos altos ramos,
Dizem os poetas todos que ele é mais
Que o luar através dos altos ramos.
Mas para mim, que não sei o que penso,
O que o luar através dos altos ramos
É, além de ser
O luar através dos altos ramos,
É não ser mais
Que o luar através dos altos ramos.

Publicações relacionadas

A balada da água do mar A balada da água do mar (Federico Garcia Lorca) ...
Canto da estrada real – ... Canto da estrada real - 15 (Walt Whitman) Traduçã...
Costernados, raivosos Costernados, raivosos (Mario Benedetti) Do livr...
Adeus, Meus Sonhos! Adeus, Meus Sonhos! (Álvares de Azevedo) Adeus, meus sonhos, eu pranteio e mo...

Deixe uma resposta