Cessa o teu canto!

Print Friendly, PDF & Email

Cessa o teu canto! (Fernando Pessoa)

Cessa o teu canto!
Cessa, que, enquanto
O ouvi, ouvia
Uma outra voz
Com que vindo
Nos interstícios
Do brando encanto
Com que o teu canto
Vinha até nós.
Ouvi-te e ouvi-a
No mesmo tempo
E diferentes
Juntas cantar.
E a melodia
Que não havia.
Se agora a lembro,
Faz-me chorar.

Publicações relacionadas

O convertido O convertido (Antero de Quental) ...
Virar a página Virar a página (Mario Benedetti) Do livro "P...
Modinha do Empregado de Banco Modinha do Empregado de Banco (Murilo Mendes) Eu sou triste como um prático d...
Sonho de um Monista Sonho de um Monista (Augusto dos Anjos) Eu e o esqueleto esquálido de Esquilo...

Deixe uma resposta