Cultivo una rosa blanca

Print Friendly, PDF & Email

Cultivo una rosa blanca (José Martí)

De Versos Sencillos (1894)

XXXIV

Cultivo una rosa blanca
En Julio como en Enero
Para el amigo sincero
Que me da su mano franca

Y para el cruel que me arranca
El corazón con que vivo
Cardo ni ortiga cultivo
cultivo una rosa blanca

Publicações relacionadas

Na Guerra Muitas Coisas Cresce... Na Guerra Muitas Coisas Crescerão (Bertold Brecht) Ficarão maiores As proprie...
Tristura Tristura (Mário de Andrade) “Une rose dans les ténèbres” - Mal...
Orfandade Orfandade (Adélia Prado) Meu Deus, me dá cinco anos. Me dá um pé de fedego...
Tulipa real Tulipa real (Cruz e Souza) Carne opulenta, majestosa, fina, Do so...

Deixe uma resposta