Eu …

Print Friendly, PDF & Email

Eu … (Florbela Espanca)

Eu sou a que no mundo anda perdida,
Eu sou a que na vida não tem norte,
Sou a irmã do Sonho,e desta sorte
Sou a crucificada … a dolorida …

Sombra de névoa tênue e esvaecida,
E que o destino amargo, triste e forte,
Impele brutalmente para a morte!
Alma de luto sempre incompreendida!…

Sou aquela que passa e ninguém vê…
Sou a que chamam triste sem o ser…
Sou a que chora sem saber porquê…

Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
Alguém que veio ao mundo pra me ver,
E que nunca na vida me encontrou!

Publicações relacionadas

Quero a vitória Quero a vitória (Paulo Leminski) quero a vitória do time de várzea ...
Façamos um trato Façamos um trato (Mario Benedetti) Tradução Companheira você sabe que po...
Epigrama (Veneza, 1790) Epigrama (Veneza, 1790) (Johann Wofgang von Goethe) "Maus, para a esquerda!" ...
Ouço dizer que contra mim foi ... Ouço dizer que contra mim foi alegado (Walt Whitman) Ouço dizer que contra mi...

Deixe uma resposta