Neologismo

Print Friendly, PDF & Email

Neologismo (Manuel Bandeira)

Beijo pouco, falo menos ainda.
Mas invento palavras
Que traduzem a ternura mais funda
E mais cotidiana.
Inventei, por exemplo, o verbo teadorar.
Intransitivo:
Teadoro, Teodora.

Publicações relacionadas

O Morcego O Morcego (Augusto dos Anjos) Meia noite. Ao meu quarto me recolho. Meu Deus...
Vencido Vencido (Augusto dos Anjos) No auge de atordoadora e ávida sanha Leu tudo, d...
Uma criatura Uma criatura(Machado de Assis) Sei de uma criatura antiga e formidável, Qu...
Là-Bas, Je ne sais où… Là-Bas, Je ne sais où... (Álvaro de Campos) Véspera de viagem, campainha... ...

Deixe uma resposta