Precisamos de você

Print Friendly, PDF & Email

Precisamos de você (Bertold Brecht)

Aprende – lê nos olhos,
lê nos olhos – aprende
a ler jornais, aprende:
a verdade pensa
com tua cabeça.
Faça perguntas sem medo
não te convenças sozinho
mas vejas com teus olhos.
Se não descobriu por si
na verdade não descobriu.
Confere tudo ponto
por ponto – afinal
você faz parte de tudo,
também vai no barco,
“aí pagar o pato, vai
pegar no leme um dia.
Aponte o dedo, pergunta
que é isso? Como foi
parar aí? Por que?
Você faz parte de tudo.
Aprende, não perde nada
das discussões, do silêncio.
Esteja sempre aprendendo
por nós e por você.
Você não será ouvinte
diante da discussão,
não será cogumelo
de sombras e bastidores,
não será cenário
para nossa ação.

Publicações relacionadas

Apocalipse Apocalipse (Augusto dos Anjos) Minha divinatória Arte ultrapassa os séculos ...
Tietê Tietê (Mário de Andrade) Era uma vez um rio... Porém os Borbas-Gatos dos ult...
As tuas mãos terminam em segre... As tuas mãos terminam em segredo (Fernando Pessoa) As tuas mãos terminam em ...
Reflexão no.1 Reflexão no.1 (Murilo Mendes) Ninguém sonha duas vezes o mesmo sonho Ninguém...

Deixe uma resposta