A uma que lhe chamou pica-flor

Print Friendly, PDF & Email

A uma que lhe chamou pica-flor (Gregório de Matos)

Se Pica-flor me chamais
Pica-flor aceito ser
mas resta agora saber
se no nome que me dais
meteis a flor que guardais
no passarinho melhor.
Se me dais este favor
sendo só de mim o Pica
e o mais vosso, claro fica
que fico então Pica-flor.

Publicações relacionadas

Tabacaria Tabacaria (Álvaro de Campos) Não sou nada. Nunca serei nada. Não posso qu...
Gozo os Campos Gozo os Campos (Alberto Caeiro) Gozo os campos sem reparar para eles. ...
Noiva da agonia Noiva da agonia (Cruz e Souza) Trêmula e só, de um túmulo surgindo, ...
Morte Vida Severina Morte Vida Severina (João Cabral de Melo Neto) ------------------------------...

Deixe uma resposta