Quaresmeira

Tibouchina granulosa


Nome Científico: Tibouchina granulosa
Nomes Populares: Quaresmeira, Flor-de-quaresma, Quaresmeira-roxa
Família: Melastomataceae
Categoria: Árvores, Árvores Ornamentais
Origem: América do Sul, Brasil
Altura: 9.0 a 12 metros, acima de 12 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene
A quaresmeira é uma árvore de beleza notável, que encanta por sua elegância e exuberante floração. Seu porte geralmente é pequeno a médio, podendo atingir de 8 a 12 metros de altura. O tronco pode ser simples ou múltiplo, com diâmetro de 30 a 40 cm. As folhas são simples, elípticas, pubescentes, coriáceas, com nervuras longitudinais bem marcadas e margens inteiras. A floração ocorre duas vezes por ano, no outono e na primavera, despontando abundantes flores pentâmeras, simples, com estames longos e corola arroxeada, sendo que na variedade Kathleen estas se apresentam róseas. O fruto é pequeno, indeiscente, marrom, com numerosas sementes minúsculas, dispersadas pelo vento.
Mesmo quando não está em flor, a quaresmeira é ornamental. Sua copa é de cor verde escura, com formato arredondado, e sua folhagem pode ser perene ou semi-decídua, dependendo da variação natural da espécie e do clima em que se encontra. Por suas qualidades, ela é uma das principais árvores utilizadas na arborização urbana no Brasil, podendo ornamentar calçadas, avenidas, praças, parques e jardins em geral. Seu único inconveniente é a relativa fragilidade dos ramos, que podem se quebrar com ventos fortes, provocando acidentes. Com podas de formação e controle, pode-se estimular seu adensamento e mantê-la com porte arbustivo1

Onde é encontrada: Encontrada com bastante freqüência na região, principalmente em áreas mais altas e úmidas. Muito comum também no paisagismo urbano.
Características: Árvore de médio porte, 7 a 12 metros de altura. Folhas simples, até 20 cm, ásperas, trinervadas. Flores roxas, em cachos, muito vistosas. Fruto cápsula em forma de cálice, 1 cm. abre a parte superior liberando muitas sementes minúsculas. Encontrada aqui na região, em matas de altitude e mais frias, uma outra espécie de Tibouchina de flores rosa e maior porte, que aparece nas duas últimas fotos.
Utilidades: Pioneira, muito usada em paisagismo devido sua beleza.
Época de floração e frutificação: Floresce em Março a Abril, frutifica em Maio a Julho.2


3

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab

Download [326.57 KB]


EXEMPLAR PLANTADO NO CÓRREGO:
Foto em


Fontes:
1https://www.jardineiro.net/
2https://www.arvores.brasil.nom.br
3http://nossacasa.net/nossosriachos/agroecologia/manual-de-identificacao-de-mudas-de-especies-florestais/


Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *