Cedro-rosa

Cedrela fissilis


O cedro-rosa, cedro-cetim, cedro-missioneiro ou acaiacá (Cedrela fissilis Vell., entre outros nomes científicos) é uma árvore nativa do Brasil, da família das meliáceas.

Árvore caducifólia, com altura variando de 10 a 25 m e DAP (diâmetro à altura do peito), entre 40 e 80 cm. Apresenta tronco reto ou pouco tortuoso, com fuste de até 15 m. A copa é alta e em forma de corimbo, o que a torna muito típica.

As folhas são compostas, 25 a 45 cm, pecíolo densamente tomentoso a curto pubescente; folíolos de 12 a 18 pares, opostos a subopostos, sésseis a curto-pecioluilados pardo escuros quando secos, oblongos a oblongo-lanceolados até oval-lanceolados.

Ocorre desde o Panamá e Costa Rica até a Argentina; no Brasil está presente na maioria dos estados, em solos profundos e úmidos, porém bem drenados. Está ameaçado de extinção por exploração excessiva.[1

O plantio do cedro, em função da qualidade da madeira, está sendo tentado, como o de outras meliáceas; muitos plantios adensados foram prejudicados pelo ataque da Hypsipyla grandella Zeller. Esta lagarta de mariposa ataca também plantios adensados de outras meliáceas como mogno (Swetenia macrophila) e de andiroba (Carapa guianensis). Recomenda-se o plantio com grande espaçamento com alternância de outras espécie para evitar a broca-do-cedro. É uma espécie emergente em floresta de “clímax”, iniciando seu crescimento na vegetação secundária.

O Cedro-Rosa é utilizado em construções civis, decoração, mobiliário, embalagens, chapas condensadas, instrumentos musicais ou parte deles, molduras para quadros, caixa de cachimbo. Também é utilizada na medicina, no combate a febre, feridas e úlceras. É utilizada como arborização de praças públicas, parques e jardins e também tendo a finalidade de recuperar ecossistemas degradados1


Cedrela fissilis


2

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab

Download [451.96 KB]


1https://pt.wikipedia.org/wiki/Acaiac%C3%A1
2http://nossacasa.net/nossosriachos/agroecologia/manual-de-identificacao-de-mudas-de-especies-florestais/

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *